sexta-feira, 15 de fevereiro de 2008

Não se vive só de história!

O Sport Lisboa e Benfica deixou de fazer parte do grupo dos 20 clubes mais ricos do mundo!
Mas, o mal não está em não constar da lista, em não ter o nome do clube inscrito nesse rol. O mal está em que cada vez ganham-se menos troféus e menos prémios, gasta-se mais dinheiro e a qualidade é pior! O jogo de ontem foi uma tristeza! Já não se joga com vontade, com disciplina, com garra, com amor à camisola! Já não se investe nas escolas do clube, já não se formam bons jogadores! Ir comprar é mais fácil! Gastam-se rios e rios de dinheiro e não há nem qualidade, nem troféus!...
Porém, este não é um problema só do Benfica, vemos os nossos vizinhos da 2ª Circular exactamente na mesma, e é pena, porque cada vez há mais dinheiro para futebol, cada vez se paga mais por um bilhete para um jogo e já não se vê um jogo bonito, disputado, com táctica e técnica que encham o olho e que façam vibrar o espectador.
Em compensação, outras modalidades em que se vêem desportistas aplicados e com talento, são subjugadas e pouco investimento recebem. Não vale a pena dizer nomes, entre atletismo, râguebi, desportos náuticos, basquete, ténis, e muitas outras modalidades, todos pensarão em alguns desses desportistas talentosos e aplicados e noutros nem sequer pensarão porque simplesmente são perfeitos anónimos para o público em geral. O que interessa é que se invista na qualidade, na recruta, formação e progresso de desportistas. E este investir nem sempre quer dizer o jogador mais caro, o treinador mais bem pago, o estádio com mais cadeiras e mais dispendioso, a pista que custou mais dinheiro, etc... Este investir requer capital sim, mas muitas vezes é mais barato do que o que se gasta na presente conjectura. Muitas vezes, o trabalho, a iniciativa, as regras, a disciplina, o gosto, a vontade de fazer e fazer melhor, a humildade de aceitar e aprender com quem sabe, mesmo que seja o mendigo da esquina em vez do importantíssimo Sr. X ou Y, são a base desse investimento seguro em qualidade e resultados a um preço muito mais baixo...
Mas enfim, o que se há-de fazer!? É a força do dinheiro e da corrupção que move o mundo do desporto e o mundo em geral! Só que o dinheiro também se acaba! Os resultados são precisos! E são-no em todas as vertentes! Nenhum clube, instituição ou país vive só de história! (mesmo que a sua história seja rica e espectacular)


Sophia

3 comentários:

Francisco M. disse...

Clubismos à parte devo dizer que concordo plenamente com este port e com a apreciação crítica que é feita à situação do Benfica.
De facto a sua valorização financeira aqui tem pouco valor quando comparada á sua história mas o presente está constantemente a transformar-se em passado e se não for feito nada no presente...o clube acaba por cair no "esquecimento", na penúria...ou já está a cair, aos poucos...e é pena, para um clube que é conhecido internacionalmente.
A verdade, a meu ver é que o dinheiro é o culpado...na Inglaterra, no país onde o futebol nasceu, os jogadores são aqueles que menos dinheiro recebem e nos entanto o campeonato deles é visto como um dos melhores do mundo...
Porquê? Porque os jogadores e responsáveis não se deixam mover pelo dinheiro...existe regras, disciplina e não me lembro da última vez que se ouviu falar em corrupção...admiro os ingleses!
Os Italianos também não ficam atrás, mas o "Cálcio Caos" que despromovei vários clubes italianos no ano passado e máfia italiana fazem do futebol um negócio corrupto...
Enfim, esperemos que o Benfica ainda possa vir a ser um clube com história, num futuro próximo...

Francisco M. disse...

Venho cimentar ainda mais a minha opinião em relação à "História do Benfica" com uma ocorrência que aconteceu esta semana: o Benfica resolveu, no Parlamento Europeu, colocar alguns dos seus troféus em exposição...
Ora mas que grande feito (pensam eles...) pois o Real Madrid foi a única equipa a fazer algo do género...
Ou seja, julga-se o Benfica ou 2º melhor clube do mundo? Ou mesmo o primeiro só por ter entrado no guiness como clube com maior número de sócios?
Clubismos á parte, o Benfica esquece-se mais uma vez que o presente está constantemente a transformar-se em passado e se não se preocupar...cai em "esquecimento"...

Sophia Pena disse...

Obrigada pelo comentário e pela adenda. Desconhecia a exposição dos troféus Enfim, mais uma vez a preocuparem-se com o menos essencial!...