segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Construindo um palácio

"Têm de estudar e aprender para serem vocês a tirarem as vossas conclusões sobre a História, mas não podem decidir nada se tiverem a cabeça vazia. Apetrechem a vossa cabeça, apetrechem a vossa cabeça. É a vossa arca do tesouro e ninguém no mundo pode interferir com o que vai lá dentro. Se ganhassem a lotaria irlandesa e comprassem uma casa por mobilar, enchiam-na de lixo!? A vossa mente é a vossa casa, e, se a encherem com as porcarias que vêem no cinema, vai acabar por apodrecer. Podem ser pobres, podem ter os sapatos rotos, mas, a vossa mente ser um palácio.”

(Frank McCourt, in As Cinzas de Ângela)


 
Sophia

2 comentários:

Francisco M. disse...

Gostei do texto. A nossa mente é nossa, ninguém nos a tira (ao contrário do ordenado, impostos, etc...)

Está tudo a correr bem?

Beijinhos Sofia.

Sophia Pena disse...

Olá, amigo!

Ainda bem que gostas!

Tudo andando, pouco tempo aqui para o Pontas Soltas.

Beijinhos e saudades :)